Posted on

Roteador HotSpot 300: confira algumas dicas de como utilizar

Disponibilizar Wi-Fi em estabelecimentos comerciais tornou-se algo indispensável para quem tem como objetivo oferecer um excelente serviço aos seus clientes.

E se te dissermos que você pode fazer isso sem ter que disponibilizar uma senha para cada cliente que chega ao seu estabelecimento? Quer saber como?

É simples! Instale um roteador HotSpot 300 e dê um basta às senhas!

O HotSpot 300 permite que seu cliente tenha acesso à internet de qualidade e, em contrapartida, seu estabelecimento torne-se um campeão de check-ins no Facebook.

Esse roteador, além de contribuir para a divulgação do seu negócio, permite até cinco vezes mais conexões simultâneas do que um roteador residencial em ambientes de até 300 m². Cabe destacar que a velocidade de navegação, como a de qualquer roteador, dependerá do plano de internet contratado e de como o produto foi configurado.

Para que você obtenha de seu HotSpot 300 tudo que ele pode oferecer, durante a instalação, é preciso escolher o melhor canal de Wi-Fi e ajustar a potência do roteador de acordo com o tamanho do ambiente.

Curtiu as dicas acima?

Então continue a leitura e confira outras orientações que elaboramos para te ajudar a fazer do HotSpot 300 o melhor amigo do seu empreendimento.

Dica 1: #DicasHotSpot300 – Por que utilizar a função Facebook Wi-Fi através do HotSpot 300 e como divulgá-la para seus clientes

O Facebook Wi-Fi é uma função totalmente gratuita e homologada somente por alguns fabricantes no mundo. Na América Latina, a Intelbras é a única empresa que fabrica um roteador com essa função.

Ela permite que você forneça internet sem fio aos seus clientes através do check-in na sua página no Facebook, sem a necessidade de senhas complicadas.

Com apenas um clique, seus clientes podem fazer check-in na sua página no Facebook e começar a navegar na web.

Além disso, o check-in do seu cliente aumenta o tráfego na fan page do seu estabelecimento e ajuda a divulgá-lo na rede social, de forma espontânea, aumentando a visibilidade do seu negócio e atraindo os amigos que o cliente tem na rede social.

Outra vantagem da função Facebook Wi-Fi é que você consegue obter informações privilegiadas do perfil dos usuários que se conectam à sua rede. A partir de gráficos, é possível observar o número de curtidas de suas páginas e identificar qual o perfil do público que frequenta seu estabelecimento. Assim, fica mais fácil elaborar promoções e descontos específicos para atrair e fidelizar ainda mais a clientela.

Soluções concorrentes apenas captam e-mails e muitos cobram mensalidade para manter o serviço funcionando. Com o HotSpot 300 a divulgação do seu estabelecimento é instantânea e sem cobranças adicionais.

Para você divulgar e incentivar o uso desse recurso, a Intelbras disponibiliza um adesivo que orienta o seu cliente sobre o funcionamento do Facebook Wi-Fi. Ele pode ser impresso e colado em materiais diversos, como cardápios, ou em locais estratégicos, como mesas e outros espaços que você julgue atrativos.
Roteador HotSpot 300: confira algumas dicas de como utilizar

Enfim, o importante é a informação estar clara para que seu cliente tenha uma ótima experiência no seu estabelecimento!

Dica 2: #DicasHotSpot300 – Como criar uma página no Facebook que possa ser associada ao HotSpot 300

Para ativar o check-in na sua página através do roteador HotSpot 300, ela precisa estar configurada como “Negócios locais ou Local”. O roteador só realiza essa função em endereços válidos e registrados nessa categoria.

Depois de efetuar essa configuração, surgirá uma aba solicitando informações como rua, bairro, cidade e CEP. É fundamental que você preencha esses campos corretamente para que o check-in seja registrado no local certo.

Para finalizar a otimização da sua página, tornando-a perfeita para o uso do HotSpot 300, adicione outras informações específicas do seu negócio, como fotos, identidade visual, horário de funcionamento, e-mail e telefone para contato.

Aproveite também para fazer posts com novos cardápios, ações promocionais, entre outros formatos de publicação e interação que tornem atrativa a comunicação com seu cliente.

Dica 3: #DicasHotSpot300 – Associando sua página ao HotSpot 300

Agora que você já criou a página do seu negócio no Facebook, ou configurou corretamente a que você já tinha, é hora de associá-la ao seu roteador HotSpot 300.

Dica 4: #DicasHotSpot300 – Como funciona o check-in no Facebook pelo HotSpot 300

Depois de concluir a configuração do seu roteador HotSpot 300, você precisa testar a funcionalidade do check-in no Facebook.

No seu celular ou notebook, acesse a rede Wi-Fi que foi disponibilizada para uso de seus clientes.

Nesse momento, aparecerá a tela de check-in ou uma notificação na qual, assim que você clicar, o navegador web será aberto para que o check-in seja realizado.

O formato de solicitação de check-in depende do sistema operacional embarcado em seu celular, ou seja, Android ou iOS.

Lembre-se, os check-ins realizados no HotSpot 300 não são feitos através do aplicativo do Facebook e sim através desses dois formatos citados acima.

Para os clientes que não possuem Facebook, existe a opção de fornecer uma senha padrão a ser definida pelo usuário. Falaremos mais sobre essa dica em seguida.

Dica 5: #DicasHotSpot300 – Como disponibilizar Wi-Fi para clientes que não têm Facebook

Quando você estiver configurando o roteador HotSpot 300, serão disponibilizadas duas opções de acesso à rede Wi-Fi para clientes que não possuem perfil no Facebook.

Uma delas permite que o visitante pule o check-in e consiga navegar em seguida. A outra possibilita que você cadastre um código que será solicitado para autorizar o acesso à internet.

Na segunda opção, será necessário informar a senha aos clientes/solicitantes. Para evitar maiores transtornos, escolha uma senha de fácil memorização e troque-a com a frequência que desejar para não correr o risco de invasores indesejáveis.

Mas atenção: apenas uma das duas opções pode ser ativada.

Pode acontecer de alguns clientes, de início, não toparem a ideia de fazer um check-in na página do seu negócio em troca da utilização de sua rede Wi-Fi.

Para evitar essas situações, torne essa função atrativa e interessante para o visitante. Crie promoções, preços especiais, enfim, deixe sua criatividade fluir.

A opção de conexão através de senha deve ser, de fato, específica para quem realmente não possui um perfil no Facebook.

Dica 6: #DicasHotSpot300 – Ajustando o tempo de navegação disponível

Sabe aquele cliente que entra no seu estabelecimento, não consome nada, e fica duas ou três horas usando sua rede Wi-Fi? Pois é! Além do prejuízo financeiro para seu negócio, em dias de movimento intenso, isso pode prejudicar a navegação de quem está de fato consumindo seus serviços.

Com o roteador HotSpot 300 é possível controlar o tempo de utilização da internet em seu estabelecimento. Nas configurações do roteador, você pode definir o padrão que achar melhor: 30 minutos, uma hora ou até um dia.

Antes de definir esse prazo, é recomendável identificar o tempo médio de rotatividade dos seus clientes, já que, quando ele se esgotar, será preciso um novo check-in para que o visitante continue conectado.

Certifique-se de que o prazo de navegação disponibilizado de fato irá tornar agradável a experiência do cliente em seu estabelecimento. Ter que realizar um novo check-in em espaços de tempo muito curtos poderá frustrá-lo.

Dica 7: #DicasHotSpot300 – Como controlar o consumo de internet no seu estabelecimento

O roteador HotSpot 300 permite que você crie até duas redes Wi-Fi. Com isso, você pode deixar uma rede para seus clientes e outra para uso corporativo, evitando que serviços online do seu estabelecimento fiquem comprometidos com a navegação dos visitantes.

O ideal é que você divida 50% do seu pacote de internet para cada uma das redes.

Dessa forma, se você contratou um serviço de 10 MB, essa banda será dividida igualmente entre “visitantes” e “uso corporativo”. Havendo um dispositivo conectado em cada uma, ambos terão 5 MB disponíveis para navegação.

Se um novo usuário acessar a rede de visitantes, por exemplo, esta dividirá a conexão em 2,5 MB para cada dispositivo. Já a rede corporativa continuará com 5 MB disponíveis para seu único usuário conectado.

À medida que outras pessoas se conectam, o pacote de internet vai se dividindo automaticamente dentro de cada rede.

Dica 8: #DicasHotSpot300 – Para quais estabelecimentos o HotSpot 300 é indicado

O roteador HotSpot 300 é ideal para micros, pequenos e médios negócios. Com esse equipamento, é possível disponibilizar sinal Wi-Fi em espaços de até 300 m²*.

Bares, restaurantes, cafeterias, salões de beleza, academias, enfim, qualquer negócio pode oferecer internet de qualidade e, de quebra, receber check-ins em sua página no Facebook.

Um fator que deve sempre ser levado em consideração está diretamente ligado à elaboração do seu projeto de rede: nele deve estar previsto que 1/3 da capacidade de pessoas que seu estabelecimento suporta vai estar conectada à internet.

Além disso, o HotSpot 300 pode atuar como repetidor de sinal. Assim, mesmo que seu ambiente seja grande, você pode usar até três equipamentos no mesmo ambiente, sendo um como roteador e dois como repetidor.

Dessa forma, você aumenta a cobertura da sua rede Wi-Fi e, consequentemente, o número de usuários conectados em seu estabelecimento.

*o valor da distância pode variar de acordo com o ambiente e os obstáculos existentes.

Dica 9: #DicasHotSpot300 – Conexão de qualidade e simultânea para até 5 vezes mais usuários que um roteador residencial

Cansado da maioria dos roteadores disponíveis no mercado? Esses aparelhos não suportam a demanda de conexões simultâneas no seu estabelecimento?

O roteador HotSpot 300 permite até cinco vezes mais clientes conectados simultaneamente do que um roteador residencial.

Para entender melhor essa relação, precisamos diferenciar dois conceitos básicos:

1 – Usuários conectados: são clientes que estão conectados à sua rede mas com o celular no bolso, sem de fato estar navegando. Ou seja, dispositivos apenas associados ao roteador.

2 – Usuários navegando: esses estão de fato utilizando sua rede, acessando o Facebook ou assistindo a um vídeo no YouTube, por exemplo.

Ou seja, o HotSpot 300 suporta muito mais conexões e pode garantir até 60 usuários navegando simultaneamente.

Testes realizados pela Intelbras comprovam que esse roteador se comporta muito melhor que roteadores residenciais concorrentes.

Lembre-se! Escolher o melhor canal do HotSpot 300, ajustar a potência de acordo com o ambiente e ter uma boa qualidade de internet contratada é essencial para garantir essas conexões e uma boa experiência de uso.

Evite que seu cliente saia por aí falando que não conseguiu conectar-se à internet em seu estabelecimento. Ofereça a ele uma conexão rápida e estável.

Dica 10: #DicasHotSpot300 – Como são feitas as análises dos perfis de clientes que fazem check-in no seu estabelecimento

A primeira coisa que você precisar saber é que essa análise é realizada na própria plataforma do Facebook.

Você terá essas informações disponíveis quando possuir um número mínimo de 30 curtidores na sua página e 100 check-ins através do seu roteador HotSpot 300.

A partir desse momento, o Facebook passa a liberar informações como faixa etária, sexo, cidade, entre outros dados de seus clientes.

Além disso, você tem acesso a indicadores como horários de maior pico, quantidade de check-ins por dia, entre outros.

Quer um exemplo de como isso pode te ajudar na prática? Imagine que, a partir dos dados que o Facebook gerou através do HotSpot 300, você identificou que a maioria dos seus clientes são mulheres de 25 a 30 anos.

Com essa informação em mãos, é possível adequar seu cardápio, personalizar a decoração e comunicação do seu estabelecimento, e ainda fazer ações específicas para esse público.

Perfeito, não?

Dica 11: #DicasHotSpot300 – Como controlar o período de funcionamento do Wi-Fi

O HotSpot 300 agora permite que o dono da empresa agende o período em que o Wi-Fi vai funcionar. Ou seja, você cadastra o horário de funcionamento do seu negócio e somente nesse período o Wi-Fi vai funcionar para os seus clientes.

Por exemplo, um café que funciona das 06h30 até as 18h poderá oferecer a conexão Wi-Fi para seus clientes apenas nesse período e, assim, garantir que ninguém fique navegando em horários em que o estabelecimento esteja fechado.

E, já que com o HotSpot 300 você tem 2 redes Wi-Fi – uma para os funcionários e outra para os clientes – é possível configurar somente a rede dos seus clientes para funcionar dessa forma, garantindo que os colaboradores e os equipamentos da empresa continuem conectados, navegando na internet, mesmo após o fim do expediente.

Pronto para ver a página do seu negócio no Facebook tornar-se uma máquina de check-ins?

Esperamos que essas dicas tenham te ajudado a configurar e utilizar seu HotSpot 300 da melhor maneira possível.

Se quiser compartilhar com a gente os resultados que esse roteador trouxe para seu estabelecimento, fique à vontade. Utilize o espaço para comentários logo abaixo do post e conte-nos tudo sobre sua experiência com esse produto.

Caso você ainda não tenha um HotSpot 300 no seu comércio, faça “check-in” neste link para que possamos liberar para você uma navegação de primeira na página do produto em nosso site. Te esperamos lá!

Quer conhecer e saber mais? Acesse: www.telebrasil.net.br

Fonte: Intelbras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *